Por que eu gosto de ler livros?

Gosto de ler livros porque eles me provocam, a culpa não é minha, é deles. – Brincadeirinha.

Gosto de ler livros porque ainda não consegui escrevê-los. – Mentira deslavada.

Gosto de ler livros porque adoro assistir a engodos, pretensas verdades, viagens internas, egoísmos desenfreados e a maioria das confissões. – Verdade.

Continuar lendo

Um livro no escuro


O livro seguinte foi a retomada de uma leitura largada no caminho. “Homem no Escuro”, do meu mui amado Paul Auster.

Comecei a ler em julho de 2010, na viagem pela Europa. Não “casou” bem. Não era hora nem lugar. Travava demais, empacava numas páginas e não conseguia sair do canto. Amo a narrativa desse autor, o jeitão dele, mas não comprei a história do mundo paralelo, então ficou difícil. Tanto que coloquei o livro no freezer por quase 6 meses, pegando de vez em quando, olhando pra ele com um jeito escusado, enviezado, envergonhado, e recolocando-o na prateleira.

Continuar lendo

Comi, rezei, amei

Prometi no ano novo que em 2011 vou ler bem muito, e prometo agora que vou escrever aqui sobre minhas leituras.

Comecei o ano lendo um best-seller-mulherzinha, apesar de que costumo fugir de best-sellers como o diabo da cruz, mas ganhei o livro de presente duma pessoa maravilhosa, a Lila Dourado, do blog “Que Roupa Vestirei” com dedicatória e tudo, e SIM, SOU mulherzinha até o talo (lá ele). Então, comecei a ler e não parei, apesar do ritmo incerto.

Continuar lendo