ALMA (concerto para uma só voz)

(poema “matriculado” na Blogagem Coletiva do blog Livros & Afins: Qual o seu personagem de livro preferido?)

a minha alma é do norte
é morena e é das poucas que ainda
se expõem ao sol
é uma alma-gabriela
ela tem uma linda voz rouca
e vive há tempos esquecida
lá no alto do seu gingado

minha alma também é menina
é uma alma-emília
subversiva e traquina
forrada de ramos de macela
com seus olhinhos de retrós
é de longe
a alma que mais me diverte

mas minha alma contudo
todavia fica corada
também é uma moça-prendada
uma alma que pinta e borda
ao vai-e-vem dos tafetás
em salões e bibliotecas
é a minha alma-emma
que sempre gostei de escutar

mas dissimulada também é
a minha alma
ela sabe usar seu olhar oblíquo
como ninguém
ela é a própria alma-capitu
e não há minuto em que eu a olhe
completamente isenta
de dúvida ou de tormento

é estranho compartilhá-la
mas ao mesmo tempo
é um concerto

Anúncios

5 pensamentos sobre “ALMA (concerto para uma só voz)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s